Preço vs Valor

Tempo de leitura: 1 minuto

Ouço muitas pessoas questionarem preços de produtos e serviços e, quando tenho a oportunidade de conversar com estas pessoas e entender qual a base do questionamento, noto que há uma distorção em alguns aspectos.

Devemos lembrar que Preço é o custo de produção do produto e Valor é o aquele produto ou serviço tem agregado. Veja um exemplo: Quanto custa um copo de café em qualquer barzinho ? certamente custa (preço), o dinheiro foi investido na plantação, colheita, envase, distribuição, elaboração e consumo. Deve-se chegar a R$ 2,50
Agora, quanto custa um café na Starbucks ? Custa todo preço acima porém muito mais caro, pois carrega consigo “valor agregado”. Ou seja, a marca, o status, o copo, a cinta que vai ao copo para não queimar a mão, o ambiente onde você irá consumir, entre outros apelos de marketing. Chegando a custar R$ 10,30 (tall)

Sendo assim, podemos concluir que quanto mais valor eu agrego mais posso cobrar? Depende do cliente.

Caso o cliente tenha esta percepção de valor e um nível de exigência elevado ou até mesmo experiências vividas que não foram muito positivas, este cliente esta disposto a pagar pelo produto com “maior valor” de mercado.

Porém, há muitas pessoas que não se importam com o valor, mas apenas com o preço.

Quando falamos de serviço, a percepção fica ainda difícil pois a intangibilidade não permite uma avaliação mais precisa. Ficando inicialmente a avaliação alicerçada em preço.

Sugiro que ao definirem fornecedores avaliem a estrutura (técnica, jurídica, fiscal, trabalhista e etc), o suporte, o atendimento, enfim o todo. Visitem os fornecedores potenciais, faça teste surpresa, cliente oculto. Tomem todos os cuidados para que o barato não saia caro !

Precisando contratar uma empresa de transporte executivo ou logística em eventos com equilíbrio de Preço e Valor? acesse CEP Transportes.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *